[Exclusivo] CEI descobre endereço de investigado que agia como interlocutor de Zeitune

Política

A Comissão Especial de Inquérito (CEI) que apura um suposto pedido de propina de R$ 12 milhões a um empresário para a campanha de governador do vice-prefeito Alexandre Zeitune e da presidenciável Marina Silva, ambos da Rede, conseguiu obter ontem o endereço do investigado Marco Antônio Ferreira, acusado de ser o interlocutor entre Zeitune e o empresário. A informação foi obtida em primeira mão pelo Guarulhos em Destaque.

“Ele mora na Vila Galvão e trabalha como executivo de shopping. Vamos fazer o ofício já na próxima semana e se ele não se manifestar teremos de trabalhar com a força policial”, afirmou Marcelo Seminaldo (PT), presidente da CEI.

Até o presente momento, toda vez que tentou oficiar Ferreira, as buscas acabaram de forma inconclusiva. Sem conseguir convocar o investigado, Seminaldo cancelou a reunião da última terça-feira, 20, e devolveu um lado paralelo feito pelo perito Ricardo Caires, a pedido de Zeitune. “Enquanto ele não indicar um representante não vamos aceitar as manifestações dele. Não aceitamos nem mesmo a manifestação da Rede”, afirmou Seminaldo.

A Câmara solicitou à empresa Perifor Análises e Pesquisas Forenses, do perito criminal Osvaldo Negrini Neto, para avaliar o áudio. Seminaldo acredita que mais áudios podem surgir durante a CEI. “Os áudios estão cortados, certamente que tem mais por vir. Só abri a CEI porque quem enviou, por ter cortado os áudios, tem mais, e uma das formas de fazer este áudio chegar é manter a CEI viva”, afirmou Seminaldo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *