Mercado da Beleza – Um universo profissional e corporativo

Colunas

O Sebrae apresenta várias pesquisas que apontam que 50% das empresas fecham antes de completar 2 anos e um dos principais motivos levantados pela pesquisa é a falta de planejamento.

Geralmente o pequeno e médio empreendedor comete o erro de iniciar um negócio sem antes planejar, sem elaborar um plano de negócios e analisar a projeção da empresa.

Vemos que as empresas da área da beleza ao longo da história nascem de sonhos…..

Um cabeleireiro ou uma manicure que tem sua clientela e o sonho de ser dono ou dona do próprio negócio. Imbuídos desse sonho, de muita força de vontade e garra para vencer, abrem seus empreendimentos, muitas vezes timidamente, no quintal de casa mesmo e pecam pelo primeiro passo – não fazem um planejamento!

Com o crescimento vertiginoso dos últimos anos, o mercado da beleza não tem espaço mais para amadores. Para vencer nesse ramo, tem que ser profissional!

O mercado como um todo – cliente, fornecedor e concorrente – exige uma postura profissional. Já foi o tempo onde o cliente apertava a campanhia de uma casa e era recebida por uma cabeleireira de chinelo e avental para “cortar seu cabelo”.

Hoje, os espaços destinados aos tratamentos de beleza são especializados e com um cuidado profissional desde sua apresentação, decoração, escolha de produtos utilizados, uniforme e treinamento de seus funcionários.

Os espaços para beleza são planejados conforme os nichos de mercado. Salões especializados em loiras, público afro, público infantil, teen. E até o público masculino hoje busca espaço conforme sua “tribo”. Já temos barbearias com temas de motos, esportes específicos entre outros.

Hoje uma empresa na área da beleza para alcançar o sucesso almejado, precisa ser vista, planejada e gerida como uma empresa! O mercado não aceita mais amadores, precisam se tornar profissionais. Salão de beleza não é mais um bico, é uma empresa e deve ser tratada como tal!

Planejamento, Gestão de Pessoas, Gestão Financeira, Gestão de Marketing, entre outros são departamentos essenciais em uma empresa nesse mercado. Mesmo que a empresa seja pequena e não tenha ainda um departamento, precisa ter a preocupação de ter um profissional cuidando da área.

E tudo isso precisa começar pelo planejamento. Ao ter um sonho de iniciar um negócio na área da beleza, o empreendedor ou até mesmo o investidor precisa se munir de informações sobre o mercado, tendências e necessidades do público alvo.

Ao longo das semanas, vamos abordar aqui alguns itens essenciais desse planejamento.

 

Acompanhem…

Profa. Ms. Giovana Quini

Coach, Palestrante e Mentora – Especialista em Profissionais e Empresas da Área da Beleza

Professora Universitária na área de Administração de Empresas

Instagram – @gi.quini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *