Prefeito e secretários conhecem obra de coletor de esgoto em São Paulo

Cidade

O prefeito de Guarulhos, Guti, acompanhado de secretários municipais, visitou na tarde desta sexta-feira (12), junto à ponte da Casa Verde, na Marginal Tietê, em São Paulo, um coletor de esgoto que está sendo construído pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), com extensão de 15 km, cujo trecho inicial fica no Centro da capital paulista e com término na região do Piqueri, onde existe uma estação elevatória que irá levar o esgoto até a estação de tratamento de Barueri.

A obra da Sabesp, prevista para durar até o final deste ano, irá evitar que os dejetos produzidos por uma população de cerca de 740 mil pessoas sejam despejados in natura (ou seja, sem tratamento) no rio Tietê, o que irá contribuir com a despoluição deste curso d´água, que cruza todo o Estado por mais de 1.100 km.

“Esta obra da Sabesp vai se somar ao que já está sendo feito em Guarulhos no tratamento de esgoto. Quando assumimos a administração a cidade tratava apenas 2% do esgoto que produzia; hoje, já trata 12% e até o final de 2020 chegaremos a 40%. Desta forma, é importante conhecer a estrutura da Sabesp para que possamos avançar no tratamento o mais rápido possível”, afirmou Guti durante a visita.

O prefeito se referiu a um termo de ajuste de conduta (TAC) firmado pela administração municipal com o Ministério Público do Estado (MPE) em maio de 2018, que prevê que todo o esgoto produzido em Guarulhos seja tratado até 1º de janeiro de 2026. O TAC anterior, assinado entre 2006 e 2009 pelos ex-prefeitos Elói Pietá e Sebastião Almeida, ambos do PT, que previa 80% do esgoto tratado até o final de 2017, ficou longe de ser cumprido devido à falta de investimentos

Além de Guti, estiveram na visita os secretários de Obras, Marco Antonio Guimarães, de Serviços Públicos, Edmilson Americano, de Desenvolvimento Urbano, Jorge Taiar, o presidente da Proguaru, Francisco Carone e o superintendente do Saae, Willian Melges.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *