Patrulha Maria da Penha apreende agressor na UBS Santa Lídia

Cidade

Na tarde dessa terça-feira (18), uma equipe da Patrulha Maria da Penha da Guarda Civil Municipal (GCM) conduziu um rapaz de 37 anos ao 9º Distrito Policial para lavrar boletim de ocorrência por descumprimento de medida protetiva. O flagrante aconteceu na UBS Santa Lídia, onde a vítima trabalha.

O rapaz, que é serralheiro, já foi detido outras vezes por violência doméstica e ameaças, sendo que a última ocorrência aconteceu no dia 8 de março deste ano, antes da medida protetiva decretada pelo juiz em 21 de março. O agressor e a vítima mantiveram união estável por apenas um ano.

Patrulha Maria da Penha

A Patrulha Maria da Penha tem por objetivo estabelecer uma relação direta com a comunidade, assegurando o acompanhamento e atendimento das mulheres vítimas de violência doméstica e familiar. Para a inspetora Darcy, que coordena a Patrulha, o trabalho do grupo faz toda a diferença para as vítimas. “Devolve a confiança dessas mulheres, elas podem sair de casa sem medo, podem voltar a trabalhar. É gratificante perceber que até a auto-estima melhora”.

A Patrulha fiscaliza as medidas protetivas, que podem ser o afastamento do agressor do lar ou local de convivência com a vítima e a fixação de limite mínimo de distância em que o agressor fica proibido de ultrapassar em relação à vítima.

Serviço: A Central de Atendimento da Guarda Civil Municipal atende chamados 24 horas por dia, ininterruptamente, pelos telefones 153 e 2475-9444.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *