GCM socorre mulher vítima de agressões em rua no Gopoúva

Noticia

Na madrugada desta quarta-feira (2), um agente da Inspetoria de Patrulhamento de Trânsito (GTRAN), da Guarda Civil Municipal, impediu uma briga de casal que poderia resultar em tragédia em plena via pública, na rua Silvestre Vasconcelos Calmon, nº 30, no Gopoúva.

Ao se aproximar do casal, o guarda percebeu que o homem segurava a mulher pelos cabelos e a agredia com socos. O guarda se identificou e ordenou ao rapaz que soltasse a vítima, mas o agressor não atendeu a ordem e tentou investir contra o GCM, que com o apoio de outro guarda conseguiu imobilizar o rapaz.

A garçonete R.N.S, de 31 anos, que mora há quatro meses com o adestrador de animais I.A.G, também com 31 anos, informou que já tinha sido agredida antes e tinha reatado com o rapaz. Ela foi encaminhada à Policlínica do Paraventi, onde foi medicada e liberada. Já o jovem foi levado ao Hospital Municipal de Urgências (HMU) devido às escoriações.

Após os devidos atendimentos, vítima e autor foram conduzidos ao 1º Distrito Policial, onde ambos foram ouvidos. Diante dos fatos, a garota foi encaminhada para exame de corpo delito e o jovem foi preso em flagrante pelos crimes de resistência e de lesão corporal dolosa. Na oportunidade, foi arbitrada fiança que não foi paga. Com isso, o rapaz permanecerá detido até a audiência de custódia.

Serviço: A Central de Atendimento da Guarda Civil Municipal recebe chamados 24 horas por dia, ininterruptamente, pelos telefones 153 e 2475-9444.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *